Generali

Bem-vindo à Generali Brasil.
Por favor, selecione uma localidade abaixo para encontrar
nossos escritórios no Brasil.

  • Rio de Janeiro
  • São Paulo

Rio de Janeiro

Tel.: (21) 2508-0100

End.: Av. Barão de Tefé, 34 - Porto Maravilha - RJ

Carregando localização no mapa ...

São Paulo

Tel.: (11) 3150-2600

End.: Av.Engenheiro Luiz Carlos Berrini, 105 - Cidade Monções - SP

Carregando localização no mapa ...
  • O Grupo vai plantar uma árvore para cada acionista que participar da Assembleia Geral de 29 de abril, apoiando um projeto de reflorestamento de mais de 3.000 plantas na Itália

Triste – Para marcar o acontecimento da Assembleia Geral de Acionistas, que acontecerá em Triste, no dia 29 de abril de 2022, a Generali lançará a iniciativa “Uma árvore para cada acionista”. O Grupo vai plantar uma árvore para cada um dos acionistas participantes da assembleia, começando com um projeto de reflorestamento de mais de 3.000 árvores nas áreas danificadas pela tempestade Vaia, que atingiu o nordeste da Itália em outubro de 2018.

O projeto foi lançado em parceria com a empresa CO2 Advisor, autoridades locais e consórcios agroflorestais, que todos os dias se comprometem em recuperar áreas devastadas para realizar intervenções progressivas e duradouras.

A iniciativa visa aliar a participação de cada acionista da Assembleia Geral a um gesto concreto nas comunidades onde a empresa sempre esteve presente, em linha com o compromisso do Grupo com a sustentabilidade – que é o centro do novo plano estratégico “Lifetime Partner 24: Driving Growth”.

O objetivo do plano é: gerar significativo impacto social, ambiental e para stakeholders, integrando princípios ESG nas estratégias de investimento e subscrição; aumentar os prêmios decorrentes de soluções sustentáveis em 5%-7% CAGR até 2024 e faturar entre 8,5 e 9,5 bilhões de Euros em novos investimentos verdes e sustentáveis entre 2021 e 2025.

A estratégia para proteção climática da Generali, atualizada em julho de 2021, também visa eliminar totalmente investimentos e atividade de subscrição no setor de carvão térmico, nos países da OCDE até 2030; e até 2040 no resto do mundo.

As novas metas também incluem a descarbonização gradual da carteira de investimentos e seguros para atingir a neutralidade de carbono até 2050, consistente com a meta do Acordo de Paris de limitar o aquecimento global a 1,5ºC acima dos níveis pré-industriais, e com o compromisso assumido como parte da rede Zero Asset Owner Alliance e da Net-Zero Insurance Alliance.

A essência do seguro é o compartilhamento social do risco para que eventos adversos ou catastróficos, como os gerados pelas mudanças climáticas, não pesem muito sobre os indivíduos.



Fechar